Oportunidade: últimos dias para cadastro de negócios comunitários sustentáveis no Desafio Conexsus 2018
25 de julho de 2018

Empreendimentos de base comunitária de todo o país, especialmente os localizados na Amazônia e em áreas protegidas de uso sustentável, têm até o dia 30 de julho para se cadastrar no Desafio Conexsus 2018. A iniciativa busca soluções para o desenvolvimento de organizações de base comunitária, como cooperativas e associações de produtores, para que se tornem mais estruturadas e rentáveis e participem de cadeias produtivas mais justas e sustentáveis. 

O Desafio é realizado pela Conexsus – Instituto Conexões Sustentáveis, organização sem fins lucrativos que visa acelerar a transição para a economia de baixo carbono e fortalecer a resiliência territorial a partir do desenvolvimento econômico, com foco na sustentabilidade e na promoção das cadeias de valor dos produtos da sociobiodiversidade. 

O objetivo é desenvolver, ao longo de um ano, soluções para ampliar o acesso a comercialização, a crédito e a novos instrumentos adequados ao perfil das organizações participantes. Durante os meses de agosto e setembro, a Conexsus vai convidar cerca de 300 empreendimentos inscritos a participar de oficinas regionais e receber visitas técnicas, a fim de conhecer melhor as características e particularidades de cada negócio. 

A etapa final começa em outubro, com o Ciclo de Desenvolvimento de Negócios Comunitários Sustentáveis, que terá uma jornada de aceleração, oficinas de modelagem de negócios e laboratórios de soluções de comercialização e de crédito e soluções financeiras, que devem abranger um grupo de 70 negócios selecionados entre os participantes.

“O Desafio é uma grande mobilização de atores, como organizações que já atuam no desenvolvimento socioambiental, instituições e fundos de investimento de impacto, iniciativa privada, governos, academia, entre outros. Isso está relacionado à essência da Conexsus, que é criar conexões e arranjos de parcerias em busca do desenvolvimento em rede”, explica o diretor executivo da instituição, Valmir Ortega.

Mapeamento e panorama

Já estão inscritos no Desafio mais de 680 negócios de setores produtivos diversos em todos os estados brasileiros, desde horticultura orgânica e extrativismo vegetal a artesanato e apicultura. O perfil é de cooperativas e associações de produtores que atuam nas cadeias produtivas de alimentação saudável e sustentável, agrofloresta sustentável, sociobiodiversidade e extrativismo, pesca artesanal, manejo florestal comunitário e turismo de base comunitária.

Cerca de 340 negócios cadastrados até o momento são de base agroecológica e 516 de agricultura familiar, segundo o panorama que traz dados das organizações participantes. “Os inscritos estão sendo mapeados a partir do cadastro e da coleta de informações sobre quem são as organizações, onde atuam e o que produzem. A partir disso, estamos alimentando o Mapa e o Panorama de Negócios Comunitários Sustentáveis, disponíveis para consulta pública online”, diz a diretora de Operações da Conexsus, Carina Pimenta. 

A lista de participantes contempla também comunidades extrativistas e povos tradicionais, como indígenas, quilombolas, caiçaras e ribeirinhos. “Já temos mais de 120 organizações de Reservas Extrativistas (Resex) cadastradas, quase a totalidade é em reservas federais. Além disso, uma outra parcela grande está no entorno de Unidades de Conservação federais”, comenta diretor executivo da Conexsus, Valmir Ortega.


Para saber mais detalhes sobre os participantes, acesse o Mapa (https://goo.gl/stS2EP) e o Panorama (https://goo.gl/diKa3m) de Negócios Comunitários Sustentáveis. 

Para realizar o cadastro e acessar mais informações, visite o site do Desafio Conexsus: www.desafioconexsus.org 
 

Fonte: Conexsus
 
Assine nosso informativo e fique por dentro das nossas novidades
ATENDIMENTO
(61) 3226-3277
secretaria@unicafes.org.br
2018 - Todos os direitos reservados
Desenvolvido por Grupo Mar Virtual